sábado, 8 de dezembro de 2012

FLORBELA ESPANCA

(8/12/1894,Viçosa - 8/12/1930, Matosinhos)

Foi uma escritora portuguesa.
Autora de poemas, artigos na imprensa, traduções e um diário.
Temática de sua poesia - amor, solidão, tristeza, saudade, desejo, morte e patriotismo local.

Obras
1919 - Livro de Mágoas. (antologia de poemas) Tiragem de 200 exemplares esgotou-se rapidamente.
1923 - Livro de Sóror Saudade (edição paga pelo pai).

Obras póstumas

1931 - Charneca em flor;
            Juvenília: versos inéditos de Florbela Espanca;
            As máscaras do destino (contos);
1934 - Reliquiae;
1981 - Diário do último ano;
1982 - O dominó preto (contos).

Epistolografia


1931- Cartas de Florbela Espanca (A Dona Júlia Alves e a Guido Battelli). Coimbra: Livraria Gonçalves.

1949- Cartas de Florbela Espanca. (Prefácio de Azinhal Abelho e José Emídio Amaro). Lisboa: Edição dos Autores.

  Faleceu em Matosinhos no dia do seu 36º aniversário, a 8 de dezembro de 1930 na terceira tentativa de suicídio.

Baixe livros de Florbela grátis
http://noticias.universia.com.br/tempo-livre/noticia/2012/11/07/980459/7-classicos-florbela-espanca-baixar-gratis.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário