sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

LITERATURA INGLESA

Apesar de pouco importante até a metade do séc.XIV, a literatura inglesa caracterizava-se, depois da conquista normanda, por baladas, poemas sacros e prosa religiosa.

1206 - Brut, de Layamon
Apresenta o rei Arthur aos ingleses

Fins do séc.XIVVision of piers ploughmar de Langland
Tradução da Bíblia para Wycliffe
Obras de Chaucer (maior figura do período)

Séc XVA morte d'Artur (única produção de relevo)

Séc XVICom o Renascimento da cultura clássica o drama desenvolve-se com peças de mistérios
e milagres
Ralph Roister e Gorboduc
Marlowe (peças)
Shakespeare (maior dramaturgo)
Ben Johnson

Poemas épicos de Spencer, The Foeire Queene
Sonetos líricos de Shakespeare

Prosa
Bacon e Hooker

Séc. XVII
Declínio no drama e o maior acontecimento literário é a versão da Bíblia pelo
Rei Jaime (1611)

Os Couplets rimados de Dryden rivalizam com os poemas de Milton (principal
autor do período puritano)

Lançamento de Jornais as artes se incrementam
Pope, Addison, Sterle e Defoe (Antes de aparecerem os primeiros novelistas)
Novelistas: Richardson e Fielding
Samuel Johnson. Goldsmith, Burns e Locke
Representantes individualistas de um despertar literário nacional

Séc. XIX
Novela romântica.
Scott, Dickens, Thackeray e George Eliot

Poetas:
Tennyson, Browning, Coleridge
Worsworth, Byron, Keats e Shelley

Carlyle e Ruskin não encontram rivais em prosa

Filosofia e Teologia
Stuart Hill
Newman
Spencer

Contemporâneos
Bernard Shaw
H. G. Wells
Gh. Chesterfon
Aldous Huxley

Nenhum comentário:

Postar um comentário